Antes de abrir o gás de um queimador, tenha em mãos fósforos ou prepara-se para acionar o acendedor automático.
As chamas do gás devem apresentar coloração azulada. A presença de tonalidades amareladas, que sujam o fundo da panela, é sinal de que os queimadores estão sujos ou desregulados, o que aumenta o consumo de gás.
Mantenha os queimadores sempre limpos, lavando-os com água e detergente. Coloque-os no lugar somente quando estiverem completamente secos e verifique se estão corretamente acoplados.
Não deixe a panela no fogo ou o forno ligado para fazer outras coisas fora da cozinha. Por esquecimento, você corre o risco de queimar a comida ou de provocar um grave acidente.
Sempre que possível, use panelas de pressão, que cozinham os alimentos em temperatura mais alta e, portanto, consomem menos gás. Use panelas de pressão com a certificação do INMETRO. A válvula de alívio deve estar desobstruída e a borracha de vedação em bom estado. Faça manutenção periódica da sua panela no serviço autorizado do fabricante.

Use panelas de tamanho adequado para a quantidade de alimento que você vai cozinhar. Quanto maior o tamanho da panela, maior será o tempo necessário para o seu aquecimento, com isso, o consumo de gás aumenta.
Use o queimador do fogão com tamanho adequado à panela. Para panelas grandes, use o queimador maior; para pequenas e médias, use os queimadores menores. Centralize a panela no queimador. Ao retirar a panela do fogão, apague o imediatamente.

Procure programar o horário das refeições da sua família para reduzir a necessidade de reaquecer os alimentos.
Panelas muito usadas, com o fundo arredondado ou irregular não apoiam bem e correm o risco de tombar, além de aumentar o consumo de gás. Substitua suas panelas quando necessário. Prefira panelas de base larga e plana.
Use a quantidade de água adequada ao cozimento, deixando espaço para o aumento de volume. Durante o cozimento, mantenha sempre as panelas bem tampadas para aproveitar melhor o calor. Alimentos duros ou mais consistentes dever ser colocados de molho previamente. Assim, cozinham mais rápido.
Para evitar acidentes não deixe o cabo da panela voltado para a área de circulação das pessoas. Não deixe crianças se aproximarem do fogão. Nunca feche a tampa de vidro do fogão com os queimadores acesos, ainda quente ou escapando gás.

Regule o botão do forno para a temperatura adequada ao assado. Evite abrir com frequência a porta do forno enquanto ele estiver ligado. Sempre feche devagar a porta do forno para evitar o apagamento da chama.
Não deixe o alimento na fervura mais tempo do que o necessário. Manter a fervura em fogo alto não apressa o cozimento, apenas fará com que mais água se evapore.
Para economizar gás, diminua a chama logo após o início da fervura.

Quando não estiver usando o fogão, mantenha o registro do gás fechado. Habitue-se a verificá-lo rotineiramente antes de dormir ou ao sair de casa.
Evite o transbordamento de líquidos sobre os queimadores. Além de ficarem entupidos, eles podem se apagar, criando uma situação de risco. Isto é comum durante a fervura de leite e o cozimento de macarrão. Se ocorrer derramamento, limpe o queimador assim que ele esfriar.
Sempre que possível use o forno para assar ou esquentar vários alimentos simultaneamente, otimizando assim sua utilização. Diminua a chama quando o forno chegar à temperatura desejada e desligue-o imediatamente após retirar o alimento.

Dicas úteis para o seu dia-a-dia: chuveiros

Evite banhos prolongados e desligue a água enquanto estiver se ensaboando. Assim, você economiza gás e água.
Apague a chama do piloto imediatamente ao terminar o seu banho (se o aquecedor não for automático). Assim você evita desperdícios e não coloca em risco a sua segurança.
Quando não estiver usando o aquecedor, mantenha fechado o registro geral de segurança e habitue-se a verificá-lo, rotineiramente, antes de dormir ou ao sair de casa.
As chamas do gás devem apresentar coloração azulada. A presença de tonalidades amarelas indica que os queimadores estão sujos ou desregulados e desta forma, consome mais gás.

No caso de aquecedores de acumulo (boiler a gás), procure programar o horário do banho dos seus familiares, para evitar que o aquecedor permaneça ligado. Se for preciso que ele fique ligado ao longo do dia, procure colocar o termostato no nível mínimo.
Não use a temperatura máxima de seu aquecedor desnecessariamente.
Para ajustar a temperatura ideal do seu banho, use o botão de controle de temperatura do aquecedor (quantidade de gás). Colocar o controle na temperatura máxima e misturar água fria desperdiça água e gás, considerando que a tubulação percorre uma parte do aquecedor para chegar ao chuveiro, a água que fica entre o aquecedor e o chuveiro esta fria, acione o misturador de água quente e espere esta água fria sair da tubulação, se possível use esta água, pois dependendo da distancia percorrida, chega ser desperdiçado em média 10 à 20 litros.
Por exemplo; quando acionar o misturado quente, consequentemente chegara a uma temperatura maior do que necessita, pois água quente só passara pelo chuveiro quando a fria que esta na tubulação sair, contudo o que acontece para temperarmos o banho? Abrimos a água fria, ocorrendo um desperdício de água e gás.